Início > Exchange Server > Alta disponibilidade no Exchange 2010, o que é importante saber?

Alta disponibilidade no Exchange 2010, o que é importante saber?

Amigos,
 
Ontem estive visitando um cliente da empresa que trabalho que queria saber mais sobre a solução do Exchange 2010, principalmente como ele trabalha com alta disponibilidade.
Pois bem, o papo foi muito bom e produtivo, mas me chamou a atenção que as dúvidas dele são as mesmas de um monte de gente Sorriso, então nada melhor que esboçar aqui em um post resumido (bem resumido)!
  1. O DAG (Database Availibility Group), novo modelo de cluster do Exchange 2010, que substitui os outros do Exchange 2007 é suportado a partir de 2 servers
  2. Eu posso ter os papéis do CAS/HUB nas mesmas máquinas do DAG
  3. Não é suportado ter os papéis CAS/HUB em NLB Windows nas mesmas máquinas do DAG
  4. Para ter Load Balancing para os papéis CAS/HUB em um ambiente com DAG é necessário que eu tenha um HLB (Hardware Load Balancing)
  5. O DAG é suportado até 16 servers
  6. O Witness Server não pode ser membro do DAG
  7. Eu posso usar o console (EMC) ou o shell (EMS) para criação e manutenção do DAG
  8. O nome do DAG deve ter no máximo 15 caracteres
  9. Todos os membros do DAG devem ter o mesmo sistema operacional, a saber, Windows 2008 SP2 ou Windows 2008 R2

Bem, esse é um resumo rápido e objetivo para ajudá-los, vou tentar postar mais dicas em um artigo em breve.

Abs.

Rodrigo Rodrigues
Categorias:Exchange Server
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: